Chocolate era Coisa de Rico

Publicado em 26/02/2013

Quanta coisa boa saiu das Américas para mundo hein!? As pessoas e a terra foram sugadas por ambiciosos exploradores e seus países, e foi deste jeito que a Europa conheceu o cacau.

As pessoas que viviam aqui antes das descobertas sabiam muito bem como explorar o cacau, transformar a fruta amarga em algo degerível. Os Astecas adotaram o cultivo do cacau dos Maias no século XIV, e preparavam uma bebida chamada xocolatl, o cacau era tostado, moído e misturado com água, pimenta e temperos para produzir um líquido gasoso/espumante.

As melhores frutas eram oferecida em cerimônias representando sangue, era a bebida dos Deuses. Ambos Maias e Astecas usavam cacau como moeda de troca, – também era usada para pagamento de tributos e taxas por pessoas conquistadas por estes povos.

Publicidade

O cacau foi confundido por Colombo com um tipo de noz sem valor, era bem perdido este Colombo!

A história do chocolate na Europa começa com a conquista espanhola do México no século XVI. Os espanhóis reconheceram o valor medicinal da bebida preparada pelos indígenas mexicanos e a levaram para a corte espanhola. O gosto pela bebida gradualmente se espalhou pela elite da europeia onde foi adicionado a baunilha, a canela, a pimenta, colorante vermelho e adocicado com o recém descoberto açúcar de cana, e a bebida começou a ser servida quente.

O açúcar e o cacau eram pra poucos afortunados. Eventualmente a Espanha e outras nações estabeleceram colônias de plantações de cacao e açúcar. Por séculos o chocolate permaneceu sendo artigo de luxo. Os espanhóis aprenderam com os Astecas como fazer um sólido,  armazenavel e muito simples tipo de chocolate que poderia produzir uma bebida instantâneo e bolos, o que se espalhou rapidamente pela Europa.

O chocolate entrou na Inglaterra através da Jamaica, a bebida infiltrou-se em bares e cafés e poderia ser apreciado por qualquer um que pudesse pagar o preço. Os ingleses adotaram o hábito de enriquecer a bebida com gema de ovo e vinho, e bebiam em gamelas.

A primeira fábrica de chocolate apareceu em Bayonne, no sudeste da França em 1761. Depois com a evolução do maquinário, o chocolate se tornou mais acessível financeiramente para o público. Durante o século XIX, o consumo do chocolate sólido cresceu e muitas marcas importantes de hoje começaram a sua dinastia.

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *