Risoto de Limão e Alho-Poró

Publicado em 28/08/2012

Este risoto aromático e exótico pode virar o seu prato principal em um jantar romântico e vai ficar ainda mais delícia acompanhado de frango assado. Decore com flores comestíveis para dar mais cor ao prato.

Risoto de Alho - Poró

Este risoto é maravilhoso, porém foi o motivo de uma situação extremamente constrangedora pra mim e pra minha amiga de toda a vida Fer.

Publicidade

Um belo domingo, e em cima da hora, dona Ferdinoca me liga ”convidando” pra eu fazer uma jantinha despretensiosa pra ela, pro marido dela Gus e  um casal de amigos deles. Ok, tirei o pijama, me vesti e fomos no mercado fazer as compras. Ela optou por fazer este risoto, e eu achei a idéia ótima por ser fácil, rápido e delicioso, achei que era impossível de alguém não curtir e seria um sucesso, me enganei redondamente…

Detalhe, dona Ferdinoca não cozinha muito em casa, e nem tem a intenção de um dia começar, entào é sempre uma aventura cozinhar na casa dela, já que não tem nada de utensílios, panelas, temperos e afins. Eu não ligo muito porque amo cozinhar lá , qualquer coisa que eu fizer eles vão achar o máximo, e pra não ser injusta quanto as habilidades culinárias da minha amiga querida, ela preparou um rocambole de carne pra sogra certo dia, o qual chamou gentilmente de ticão.

Voltando ao casal protagonista da maior vergonha alheia da história. Assim que eles perceberam a presença de alho-poró no recinto imendiatamente deixaram bem claro a sua não preferência pelo mesmo, e também por outras coisinhas más, nem vou comentar. A partir deste momento a coisa apertou pro meu lado, não tinha como fazer substituições de última hora, e mais tarde veio o pior; assisti – los ”comer” , foi torturante! Fiquei pelo menos quinze intermináveis minutos assistindo aos dois se esforçarem ao máximo, comendo só uma garfadinha por vez, tomando litros e litros de água a cada garfada, já viu uma cena destas? Sabe como é? Para uma pessoa que come sem restrições nao tem coisa mais irritante.

Eu sei, é chato contar isso aqui, mas fazer o que se eu adoro rir e contar as minhas situações constrangedoras, um dia eu conto de quando o cara da imigração do aeroporto saiu da cabine pra falar comigo, só preciso tomar coragem… heheehehhe

Então, fica a dica, se for cozinhar pra alguém de quem você não conhece bem as preferências alimentares, considere dar uma sondada antes pra não passar vergonha.

Ingredientes para 4 pessoas:

  • 2 xícaras de arroz arbório ou carnaroli,
  • 1 limão siciliano,
  • 2 xícaras de queijo parmesão ralado, (ou provolone)
  • meia cebola picada finamente. (fino mesmo hein!?)
  • uma xícara de alho-poró, cortado em rodelas finas.
  • 50 g de manteiga, (mais duas colheres para refogar)
  • 1 xícara de vinho seco,
  • 1 litro de caldo de galinha, ( se for usar  tablet de caldo, use um para cada meio litro de água)

Modo de Fazer:

Pique a cebola bem fininha e refogue na manteiga de 3 a 5 minutos, ela deve ficar macia.. Acrescente o alho-poró cortado em rodelinhas finas e refogue mais um pouco.

Junte o arroz e toste até ficar translúcido. Nesta hora acrescente o vinho branco e deixe cozinhar até não sentir mais o cheiro do álcool. Só então junte uma ou duas conchas do caldo de galinha, apenas para cobrir o arroz.  Não deixe a fervura baixar e vá incorporando mais caldo a medida que for secando.

Cozinhe até o arroz estar al dente, cerca de 20 minutos.

Desligue o fogo, incorpore as 50 g de manteiga, as rapas de limão, algumas gotinhas de suco e o queijo parmesão.

Misture bem e sirva imediatamente.

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *