Como Fazer a Pavlova Perfeita

Publicado em 16/03/2016

Este post é pra mim! Eu nunca consegui fazer uma Pavlova branca e alta, foi a primeira vez que cheguei quase a perfeição. Eu me pergunto; Como uma receita tão simples pode dar tantos problemas durante a execução? A PAVLOVA dos meus sonhos é um disco grande e alto de merengue assado que mantém a sua bela cor esbranquiçada. O que não é fácil de conquistar, mas desta vez eu cheguei quase lá.

Como fazer uma pavlova perfeita

Entrei em milhares de sites, Nigela Lawson, Jamie Oliver, Ottolenghi, IKFD, Dolce Delight, The Gardian, Cupcake Gemma. Cada um com o seu detalhe diferente do outro, seja a temperatura do forno, o rateio de açúcar refinado e de confeiteiro, amido de milho alguns usam outros não

Publicidade

A temperatura varia de site pra site e vai de 120 a 200 graus, eu testei todas ela e errei todas. Até chegar a conclusão de que o meu forno é desregulado para cima. Entretanto, mesmo depois de me dar conta disto, ainda assim, não conseguia chegar a um denominador comum em relação a temperatura do meu forno desregulado e todas as receitas e suas indicações de temperaturas diferentes umas das outras. Resolvi começar de baixo pra cima.

Me encorajei a assistir mais alguns videos e estudar mais algumas receitas. Lembrei também que a minha vó dizia que merengue tinha que cozinhar até desidratar a 100 graus. Como a PAVLOVA é um merengue grande, conclui que deveria tentar assar a 100 graus, que no meu forno assassino de merengue seria 120 graus, Regulei a temperatura e coloquei uma colher de pau na porta para deixa-la entre aberta e prevenir que a temperatura subisse mais.

Segui todos os passo e, me dei bem! Ignorei o fato de que a Nigella não bate o merengue até formar picos firmes e também desisti de tentar regular o meu forno a 120, 150, 180 ou 200 graus, segui meu instinto.

O titulo deste post é como fazer a PAVLOVA perfeita e a minha chegou a quase perfeição, não fosse um momento de descuido em que temperatura do forno subiu por alguns minutos. Contudo, as dicas que eu vou passar a seguir  são os tijolos amarelos do caminho para a pavlova perfeita, e se você segui-los mais a risca do que eu segui e cuidar da temperatura do forno, vai chegar à PAVLOVA perfeita sim.

DICAS!

  • Pré-aqueça o forno a 120 graus de preferencia use um termometro de formo. Deixe a porta do forno entre aberta usando uma colher de pão ou pano de prato enrolado.
  •  Certifique-se de que a tigela esta bem limpa e desengordurada. Para se certificar, limpe-a com papel toalha umedecido com vinagre, bem como as pás da batedeira.
  • Tenha tudo pronto na bancada. Quando você começar a bater as claras, você não deve parar , a menos que sua cozinha esteja pegando fogo .
  • O merengue deve demorar menos de 10 minutos (não incluindo o tempo de cozimento ) para se preparar.
  • Certifique-se de que os ovos são o mais fresco possível.
  •  As claras de ovo não devem conter qualquer vestígio de gema. Separe os ovos individualmente e certifique-se de que estão em temperatura ambiente.
  • Use as gemas para fazer um delicioso creme para o pav (veja abaixo) .
  • Bata o merengue até o açúcar se dissolver completamente. Faça o teste esfregando o merengue entre os dedos.
  • Faça um dia antes e embrulhe e papel alumínio para não ter contato com ar e manter crocante, bem embalada a pavlova dura até dois dias.

Ingredientes:

  • 4 CLARAS (5 se o ovo for muito pequeno)
  • 250g AÇÚCAR refinado
  • ½ colher de chá de VINAGRE e mais para limpar a batedeira.
  • 1 colher de sopa de AMIDO DE MILHO
  • 1 forma média
  • PAPEL MANTEIGA

Modo de Fazer:

Pré-aqueça o forno a 120 graus.

Forre a assadeira com papel manteiga.

Umedeça um papel toalha com um pouco de vinagre e limpe por dentro da tigela da batedeira e as espátulas também.

Usando uma batedeira, bata as claras em velocidade média até formar picos moles. Uma vez que os picos picos moles aparecerem, adicione o açúcar as colheradas batendo entre cada adição. Aumente a velocidade da batedeira e continue batendo até formar picos duros, cerca de 10 minutos, e até o açúcar estar completamente dissolvido (esfregue uma gota de merengue entre os dedos para sentir se há cristais de açúcar ainda). 

Diminua a velocidade, adicione o vinagre e deixe a batedeira fazer três rotações, Em seguida, retire a tigela da batedeira.

Polvilhe o amido de milho sobre o merengue e usando uma espátula limpa, gentilmente misture somente para incorporar.

Fixe o papel manteiga na forma usado quatro gotas de merengue em casa ponta do papel. Despeje o merengue sobre o papel manteiga e modele um circulo com a ajuda de uma espátula da altura que desejar.

Leve ao forno pré aquecido e sem ventilador até formar uma casca crocante e apresentar algumas rachaduras, cerca de 1 hora e 15 no meu forno mas pode levar até 2 horas. Desligue o forno e deixe esfrir totalmente sem retirar a PAVLOVA de dentro.

Depois de fria você pode decorar com frutas da estação, usar cremes como chantilly, creme de mascarpone, quark ou usar as gemas para fazer um creme de confeiteiro ácido usando limão.

Creme ácido de confeiteiro para usar as gemas:

Ingredients

  • 225 ml LEITE
  • 72g ACÚCAR refinado
  • Raspas de 1 LIMÃO
  • 30g amido de milho
  • 2 GEMAS
  • 30g MANTEIGA SEM SAL
  • 2 MARACUJAS
  • suco de 2 LIMÕES

Modo de Fazer:

Aqueça o leite, o açúcar, as raspas de limão em fogo médio. Misture o amido de milho com um pouco de água e despeje na panela para engrossar a mistura.

Bata as gemas e junte ao leite misturando bem. Não deixe ferver e continue mexendo até engrossar.

Retire o creme do fogo. Adicione a manteiga e bata. Isso ajuda a resfriar o creme. Adicione o suco de limão Quando esfriar, espalhe com a ajuda de uma colher sobre a PAVLOVA e decore com a frutas da estação, eu usei maracuja.

Receita-de-Pavlova-com-Cobertura-de-Maracuja.jpg

Resumo
Nome da Receita
Como Fazer a Pavlova Perfeita
Publicado em
Tempo de preparo
Tempo de cozimento
Tempo total
Nota
5 Based on 2 Review(s)

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *